BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS

terça-feira, 30 de outubro de 2007

Final - Packers 19 @ 13 Broncos

Festa em Denver, Green Bay vence no OvertimeComemoração do time com um dos heroís, Greg Jennings.

Boa noite nação Cheesehead, como prometi, o comentário sobre o jogo.

Acho que não preciso contar a história, pois torcedor do Packers que dormiu no meio do jogo, já pulou da janela após ver os Highlights.

O jogo começou péssimo para os Packers e logo no segundo drive, afinal os primeiros não renderam nada, Denver chegou a endzone através de passes precisos por entre a defesa e por boas corridas de Selvin Young, que cobriu a vaga de Henry durante o jogo. 7x0 Denver.

Entra Brett Favre para o segundo drive e a resposta é imediata, uma bomba, uma verdadeira bomba para James Jones, que ainda correu muito e quebrou a perna de vários defensores até chegar a Endzone e anotar o Touchdown de empate para os Packers.79 jardas para o novato e tudo igual em 7.No segundo quarto os Broncos vieram e vieram, até chegarem e... morrerem na praia. Na linha de 1 do campo de Green Bay, a menos de 1 metro de marcarem o Touchdown, Jay Cutler soltou o presentinho à Defensive Line dos Packers, fuummblee, obrigado, Cutler.

Brett Favre entra novamente em campo e rapidamente sai da situação de risco, faz mais, dá boas jogadas de passe, utiliza bastante Ryan Grant, já que DeShawn Wynn havia se machucado logo no começo do jogo. Além de Wynn, nos Broncos John Lynch saiu de campo com rompimento de tendão no ombro e não voltou a campo. Voltando a campanha, tudo corria bem, porém começaram as faltas e por azar, o Packers não chegou a endzone, mesmo assim Mason Crosby da universidade de Colorado chutou o Field Goal. Virada, 7 x 10 Packers.A dose foi repetida mais uma no quarto, quando o time parou na beira da Endzone, novamente sem anotar o td. Final de primeiro tempo 7 x 13.

Daí pra frente, só deu Denver.

Atari Bigby foi muito criticado após os erros que cometeu, alguns muito bobos, alguns aceitáveis, alguns intoleráveis. Todo caso, creio que houve exagero em lances e não devemos crucificar o nosso Safety, que até agora, vem jogando muito bem. A defesa de forma geral durmiu bastante durante o jogo e errou muitos tackles, também não gostei da defesa ontem, mas quero destacar uma jogada, que achei a base da vitória, afinal anulou Denver quando eles tinham o momento do jogo.

Denver chega a linha de 10, sofre 2 faltas consecutivas de False Start, recua a linha de 30. Chega a linha de 24 e tem um 3rd & 14, Jay Cutler vai para o passe, Aaron Kampman abre pela esquerda, passa pelo Left Tackle, corre em direção a Cutler e derruba-o sem piedade, jogando a moral de Denver montanha a baixo (perdoem-me o invitável trocadilho), o Broncos sai de um drive de quase 8 minutos com apenas 3 pontos. 13 x 10 Packers.

No quarto quarto, dominância de defesas apesar dos erros grotescos. Apenas aos 2:30 Denver teve a chance final da partida. Sem tempos, Jay Cutler comandou uma campanha saindo da linha de 6 do próprio campo e levou o time bem, principalmente após lindas recepções de Brandon Marshall e uma corrida de Young que foi derrubado apenas após o 6o tackle. Denver na redzone, restando 30 segundos.

Touchdown ? Provável ! Muito, porém o improvável acontece. Na linha de 5 Cutler passa para Marshall, que tenta voltar para agarrar a bola na Endzone, mas não alcança. Cutler ainda tinha 24 segundos e tentou o terceiro down, uma jogada de passe, tornou-se um scramble pelo meio, que foi parado antes da linha de first down. Quarto Down, correria total, Elam entra em campo 10, 9, 8, 7, coração dos torcedores na boca, 6, 5, 4, Elam preparado, vem o Snap, 3, 2, 1, FIELD GOAL. Final de partida 13 x 13, iriamos para a improvável prorrogação.

Momento do Denver certo ? Errado graças a uma moeda, alguma sorte e a boa chamada do WR Greg Jennings, que disse: "Heads" na hora da escolha. Deu cara, posse de bola de Green Bay, quem anotar primeiro vence.

Favre vem para o campo, estava nervoso desde o final do último quarto, pois nada pode fazer durante o segundo tempo e viu sua defesa cair muitas vezes diante do ataque dos Broncos.

Mas já diria Marco Alfaro, o Coração-de-Leão da NFL é um dos melhores quarterbacks de todos os tempos e, sem dúvidas, o homem mais apaixonado pelo que faz. A paixão pelo jogo, pelos torcedores e fäs e pela família, principalmente, é o que torna Favre, Brett o nosso eterno Quarterback.

Primeira jogada dos Packers no overtime, Favre corre para trás, faz o playaction com Grant, olha para o meio, Driver está livre, olha para a esquerda e lança uma BOMBA.

3 em 4 torcedores tiveram 3 segundos de parada respiratória, o quarto sofreu cardiaca por 2 segundos antes de vibrar.

Adianto desculpas pela elforia, mas gosto de passar bem a emoção como um torcedor dos Packers, pois sei que a maioria de vocês também sentiu isso.Você acredita ? Jennings provavelmente não acreditou no momento da foto.Ok, agora eu só corro ? Fácil, bye bye Colorado, vou parar em Kansas.

GREG JENNINGS LIVRE RECEBE A BOMBA, CORRE, E CORRE, E CORRE, NA LINHA DE 30, 25, ESTÁ NA LINHA DE 20, O PACKERS VAI VENCER, 10, TOUCHDOWN GREEN BAY PACKERS !!! INCRÍVEL ! GREG JENNINGS, BRETT FAVRE, O QUE É ISSO !?

Logo em seguida me arrepiei, me ajoelhei, lágrimas escorriam, eu ria a toa como um bebê que acaba de ganhar o primeiro brinquedinho e não gritava, afinal eram apenas 1:30 e meus vizinhos provavelmente eram torcedores de Denver, afinal ninguém se manifestou junto comigo.

Realmente o torcedor dos Packers ontem ficou mais torcedor dos Packers e até mesmo o torcedor dos Patriots levantou para aplaudir Brett Favre, Greg Jenning, os heroís da partida.

Bolas do jogo: Brett Favre, Greg Jennings, Ryan Grant e Aaron Kampman. Jason Elam e Brandon Marshall no lado de Denver.

Fumbles do jogo: Literal, Cutler; Simbólicos, Atari Bigby e Dre Bly.

Destaques: Brandon Stockley e James Jones, com boas atuações na partida.

--

Final de Monday Night, o Packers vence e mantém a primeira posição na NFC North.

Brett Favre faz um dos melhores jogos em toda sua carreira e diz a nação Cheesehead que o ano é esse, o torcedor dos Packers é cada dia mais um torcedor dos Packers, cada dia mais amamos esse time, independente das falhas, afinal há coração no atual Green Bay Packers. A união desse time torna a nação cada dia mais apaixonada e unida. Vai Packers !

PARABÉNS PELA RAÇA BRETT FAVRE, PARABÉNS GREEN BAY PACKERS !!! UMA INESQUECÍVEL NOITE DE SEGUNDA-FEIRA.

E que a avalanche vermelha nos aguente agora. Vamos a Kansas !

Go G !!!

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Monday Night Football - Packers @ Broncos - Transmissão ao vivo ESPN a partir das 22:30

Monday Night Football

*** Com o final da World Series, a transmissão na ESPN está confirmada para as 22:30, abrindo as 22:00 com o semana NFL***

A Equipe aproveita para parabenizar o Boston Red Sox pela conquista da World Series.

Boa noite nação Cheesehead, de volta com o blog, pedimos desculpas pela ausência, mas como um mero grupo de estudantes, não podemos fazer muito nesse momento, além de postar prévias curtas, afinal o terrível vestibular está aí. Mais uma vez, desculpas a todos que lêem com frequência o blog.

O Monday Night Football desta semana 8, promete muito. No jogo em Denver, Colorado, o Green Bay Packers pega o Denver Broncos num dos jogos que mais prometem emoções para essa semana. Deveremos ter um jogo repleto de turnovers e, provavelmente, muitos touchdowns também, afinal tratamos de ataques que causam muitos turnovers, mas são máquinas de pontos, em potencial.

A grande arma de Denver parece ser o estádio que fica em alta altitude, o frio e a torcida fanática, que está sempre lotando o Ivesco Field. Dentre todos esses fatores, o frio é aliado, afinal Brett Favre é o coração-de-leão e homem de gelo já que na geladíssima Green Bay, Favre sempre enfrentou as mais rigorosas nevascas.

Do outro lado, o novato Jay Cutler parece ser muito instável. Ora bom, ora ruim, Cutler lançou várias interceptações e está sem o principal receiver, o #84 Javon Walker, que está lesionado e
deixa saudades para ambas a torcidas, se é que me entendem. O cobertor, Champ Bailey, estará devolta e deverá dar algum trabalho para o veterano Donald Driver, do outro lado, Dre Bly estará cobrindo Greg Jennings, portanto, o jogo está na mão de James Jones e Donald Lee, que serão as opções de Slot, contra a boa secundária dos Broncos.

Na defesa o jogo é parar Travis Henry e cobrir o "cana", em todos os sentidos, Brandon Marshall, que foi preso nesta semana dirigindo bêbado; além de cobrir Brandon Stockley, que vem em ascensão desde a saída de Walker. A defesa precisa forçar turnovers para dar boas chances ao ataque, dessa forma a vitória, certamente virá.

Quanto ao Injury Report, sem grandes perdas o Packers vai a campo sem:

W. Blackmon/CB O - Foot
B. Franks/TE O - Knee
J. Harrell/DT O - Ankle
F. Walker/CB D - Knee

Destes, apenas Bobba Franks era titular, Walker esteve bem nas primeiras partidas, mas fica fora para esse jogo, enquanto Justin Harrell, o 1st pick dos cabeças-de-queijo, fica de fora mais uma vez por problemas no tornozelo.

Em Denver a situação é mais complicada.

J. Walker/ WR O - Knee
T. Henry/ RB Q - Ribs
C. Bailey/ CB Q - Quadricep
H. Abdullah/ S P - Hip

Javon Walker está fora por no minímo 5 semanas, após passar por cirurgia no joelho;
Travis Henry, está questionable, pois treinou limitadamente durante a semana reclamando de dores na costela, de toda forma, Denver deve manda-lo a campo;
Champ Bailey quer voltar e apesar das dores que ainda sente, sua lesão não parece ser problema, isto significa que teremos o cobertor contra Donald Driver neste Monday Night Football.


--

A transmissão da ESPN vai ao ar às 22:30 horário de Brasília, mas não se esqueçam do Semana NFL, que abre o jogo às 22:00 e faz uma prévia do MNF.

Para quem não tem a ESPN, os canais SopCast estão no site MyP2P, mas seguem alguns:

WMOE
Sopcast
VP11 (400k)(Maybe JIP) or
Planet Sports 1 or
Ohio Sports 2 / VP8 or

--


O blog agora presta uma homenagem a um grande atleta, que por uma fatalidade, falesceu esta semana.

William Max McGee, nasceu em 16 de Julho de 1932 em Sexton City no Texas, na infancia conheceu o futebol americano e desde de pequeno demonstrava abilidades esportivas, algo de destaque para aquele tempo. Cursou o college na universidade de Tulane e foi recrutado pelo Green Bay Packers em 1954.

No primeiro ano de NFL, McGee liderou a liga em punts, além de receber 36 passes para 614 jardas. Em 1955, deixou a NFL para servir como piloto da força aérea dos EUA, porém voltou ao Packers em 1958 quando Green Bay teve uma das piores temporadas da história, com um recorde de 1-10-1, mesmo assim McGee foi o lider do time em recepções e foi o wide receiver número 1 até 1962. Em 1959, Vince Lombardi assumiu Green Bay e a maré começou a mudar. McGee foi eleito em 1961 ao Pro Bowl e participou de nada mais, nada menos do que 6 finais (2 da NFL integrada) e, dentre elas, ganhou 5, sendo as 2 últimas finais de Super Bowl.

Em 1966 apesar da atuação descreta, Max McGee teve importante participação no Super Bowl I. Na noite anterior ao jogo, McGee imaginando que não iria jogar, resolveu curtir a noitada, num episódio comico. Em confidências no vestiario, Max disse ao seu companheiroBoyd Dowler: "I hope you don't get hurt. I'm not in very good shape."

Logo na segunda jogada, Dowler sofreu uma separação do ombro e Lombardi ordenou que McGee entrasse para substitui-lo, este não havia nem pego o capacete dos vestiários e pediu emprestado o te um companheiro. Feito, tudo poderia dar errado agora, não é mesmo ? Por incrível que pareça a estrela de McGee brilhou novamente, como não houvera brilhado durante toda a temporada. Alguma jogadas depois, McGee fez uma incrível recepção com apenas uma das mãos num passe de Bart Starr, que resultou no primeiro Touchdown dos Packers. Ao final daquele jogo, o Packers havia ganhado o primeiro Super Bowl da história e Max McGee tinha 7 recepções para 138 jardas, números exorbitantes para aquela época.No ano seguinte, McGee fez uma recepção de 35 jardas para touchdown na vitória perante aos Raiders no Super Bowl II. Este fora seu ultimo jogo antes de aposentar-se com um total de 345 recepções e 6.346 jardas e 51 touchdowns. Além desses números ainda entram carregadas de jogo corrido, punts e até mesmo 2 passes, um deles inteceptado.

Fora da NFL McGee fundou o restaurante de comida Mexicana, Chi-Chi, além de ter sido comentarista de uma rádio em Wisconsin, tendo ganho seguidamente prêmios de comentarista esportivo do ano. Além disso, Max McGee empenhou-se no incentivo a pesquisas contra a diabetes infantil.

Sua última aparição foi na comemoração dos 50 anos do Lambeau Field, no jogo entre Chargers e Packers, quando participou das festividades ao lado do eterno quarterback Bart Starr.William Max McGee, morreu no dia 20 de outubro de 2007, aos 75 anos, após sofrer uma queda enquanto removia folhas secas do telhado de sua casa. Como homenagem, o Green Bay Packers imortalizou seu nome no Hall da Fama do time.

A Equipe do blog manda as mais sinceras condolências a família McGee.

Obrigado William McGee, sentiremos sua falta, e que a mensagem de garra e amor ao esporte que você ajudou a passar, espalhe-se cada dia mais e abrilhante nosso mundo.
--

Antes de encerrar, gostaria de parabenizar os jogadores do Packers que estão fazendo um belíssimo trabalho comunitário junto a sociedade civil, Jon Ryan, Atari Bigby, estiveram numa clinica de deficientes mentais em Wisconsin e animaram o Halloween desses seres humanos tão especiais. James Jones, teve o Burger Night com seu "mini-fã clube" e demonstrou seu lado cidadão também.

Para quem quiser conferir fotos acessem:

James Jones

e
Festa de Halloween Cheesehead

--
Um grande abraço a toda a nação Cheesehead.

quarta-feira, 10 de outubro de 2007

Prévia - Redskins @ Packers - Post Final - Transmissão Bandsports a partir das 15h00

Boa tarde nação Cheesehead.

--
Ainda não divulgados os canais sopcast, informo que haverá transmissão no canal Bandsports a partir das 15h00 horário de Brasília, lembrando que avançamos uma hora em relação ao ET dos Eua, então agora a diferença com o nosso horário de verão e o horário de verão dos Eua fica em 2 horas. Quando 0 horário dos Eua voltar ao normal, ficaremos 3 horas na frente e, portanto, os jogos ocorrerão às 16:00, 19:00 e 23:00 no domingo; quanto ao monday night será apenas 30 minutos de monday night, afinal iremos começar os jogos às 23:30 aqui no Brasil.

Para quem for assistir via Sopcast, lamento não poder informar os canais, afinal a NFL está fazendo uma campanha para tirar os streams do ar antes dos jogos e para evitar que isso ocorra, o pessoal está liberando os canais horas antes do jogo, por isso recomendo que amanhã de manhã fiquem ligados, pois provavelmente já estarão liberados. Seguem links para o MyP2P e para um forum que discute sobre streams dos jogos.
My P2P
Forum My P2P
--

Essa foi uma semana para ser esquecida, afinal tivemos duas derrotas; a primeira no domingo com uma derrota ridícula contra o principal rival Bears, e outra na segunda, quando Dallas ganhou e isolou-se no primeiro lugar da NFC.

Para a semana 6, o Packers joga para sustentar a liderança isolada da NFC North, que no momento encontra-se da seguinte forma:

  1. Green Bay Packers 4-1
  2. Detroit Lions 3-2
  3. Chicago Bears 2-3
  4. Minnesota Vikings 1-3
O jogo será no Lambeau Field, por isso levamos a vantagem de jogar entre os Green Monsters de Wisconsin, porém essa vantagem precisa ser, de fato, vantajosa, pois o Packers em todos os jogos que jogou em Green Bay levou sufoco e, até mesmo, perdeu, como ocorreu no último domingo. A torcida deve estar entre 60.000 e 70.000 pessoas, que lotaram e faram uma bonita festa como foi vista contra os Bears, porém a campanha G Force terá de ganhar um feedback por parte do time.

Os cheeseheads lotaram o estádio Lambeau Field no último domingo

Para isso, Brett Favre, sempre ele, tem a missão de carregar o time nas costas com passes curtos e como o jogo corrido funcionou na semana passada, Deshawn Wynn, Vernand Morency e Brandon Jackson, tem um papel fundamental de aliviar Favre e correr bem. Caso isso aconteça, big-plays como a do Touchdown de Greg Jennings, serão feitas através dos passes de playaction.
Essa é a chave da vitória para os Packers por parte de ataque.

Na defesa, o time precisa ficar de olho nos bons running backs Ladell Betts e Clinton Portis, além de cuidar muito bem contra os passes do quarterback Jason Campbell, que fez uma excelente partida contra os Lions e conta com um bom time de recebedores, destacando o liso, Santana Moss, que está devolta após uma lesão. A chave é não cometer faltas e evitar as big-plays.

Como geral as chaves são:
  1. Forçar turnovers do adversário
  2. Controlar o jogo através da posse de bola
  3. Estabelecer jogo corrido consistente para utilizar o playaction
Injury Report:
Em negrito os jogadores mais importantes.

Green Bay Packers

Out
: C, Scott Wells - olho; CB Will Blackmon - pé; DT Mike Montgomery - joelho.
Questionable: G Junius Coston - calcanhar.

Washington Redskins

Out: G, Randy Thomas - Triceps.
Questionable: WR Antwaan Randle-El - Hamstring (basicamente, sangramento nos músculos); LB Marcus Washington - Hamstring.
Probable: CB, Fred Smoot - Virose.





-OFFTOPIC-
Bomba em Green Bay: James Jones, Desmond Bishop e Jon Ryan são castigados e forçados a trabalhos comunitários.

Após a terrível atuação contra os Bears, James Jones foi sentenciado a trabalhos forçados para a comunidade de Green Bay. Com ajuda de Jon Ryan e Desmond Bishop, Al Harris e outros, o jogador está prestando serviços pesados e ajudando a construção de casas e centros para o desenvolvimento da cidade, o Head Coach Mike McCarthy tomou a decisão após os fumbles, gerados por Jones e afirmou: "Um wide receiver não pode cometer fumbles contra o rival. Tomei essa decisão para ajuda-lo a amadurecer como ser humano e como jogador."

Eis as fotos:
Hahaha, brincadeiras a parte, este é um projeto muito bonito realizado pela NFL e parceria as cidades e os times, que juntam as estrelas do futebol americano em um multirão para ajuda na construção e também reconstrução das cidades, bem como ocorreu em New Orleans após o Katrina em 2005.

Para quem quiser ver os vídeos dos jogadores e conhecer mais sobre o projeto United Way, acessem: http://national.unitedway.org/nfl/

Grande abraço a todos.

Go G !

domingo, 7 de outubro de 2007

Prévia Sunday Night Football - Bears @ Packers

Atrasado, mas como diz a frase: "Antes tarde do que nunca !".

Para quem quer ver e não tem a ESPN, há vários links no site MYP2P

O jogo conta com duas boas defesas, porém dois ataques muito diferentes.

Por um lado, Brett Favre lidera o Packers, que possui um dos melhores ataques da NFL e o atual melhor ataque da NFC North. Do outro lado, Brian Griese substitui Rex Grossman, porém no último jogo contra Detroit, Griese lançou 3 interceptações. Sendo assim poderemos esperar um jogo principalmente da defesa de Green Bay, já que nem o jogo corrido tem funcionado por parte de Cedric Benson.

Afirmo que a maior arma dos Bears para pontuar, é hoje o retornador Devin Hester. Motivo de piadas ? Talvez, pois apenas um jogador não lidera um time a vitória e foi o que aconteceu no jogo contra os Lions.

Com o time especial trabalhando bem, o ataque fazendo o mínimo do que tem feito nos últimos jogos e a defesa "acordada", ganharemos o jogo sem sustos. Caso algum desses falhe, novamente iremos sofrer com um time que não é um bicho papão para esse ano.

Bom jogo a todos e mandem e-mails para ESPN. Vamos mostrar que somos a maior torcida do Brasil !

Abraço a todos da nação Cheesehead,

Go G !

quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Vídeo Destaque - Semana Brett Favre

Ola amigos cheesheads, a partir de hoje iremos postar um "vídeo destaque" sobre o jogador, ídolo ou fato do Packers. A postagem sera feita semanalmente.

O vídeo destaque da semana não poderia ser outro, Favre batendo mais um record.


video


Mamden links de vídeos para nós !



segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Packers 23 @ 16 Vikings

Com sustos e a volta de Vernand Morency, o Green Bay Packers venceu mais uma essa semana, agora vai a 4-0 e é, juntamente com o Cowboys, o time com mais vitórias na NFC. Morency voltando de lesão, fez algumas recepções, apesar de não ter corrido muito

Brett Favre... Brett Favre 96 ? Não, 2007 e a mesma alegria de vencer daqueles tempos

1st Quarter
TDGreg Jennings, 16 yd pass from Brett Favre (Mason Crosby kick is good), 4:56. Drive: 4 plays, 46 yards in 2:01
2nd Quarter
FGRyan Longwell, 44 yd field goal , 5:19. Drive: 6 plays, 66 yards in 2:18
FGRyan Longwell, 35 yd field goal , 1:56. Drive: 5 plays, 41 yards in 2:22
FGMason Crosby, 28 yd field goal , 0:02. Drive: 11 plays, 66 yards in 1:54
3rd Quarter
FGMason Crosby, 44 yd field goal , 6:04. Drive: 16 plays, 54 yards in 8:56
FGRyan Longwell, 48 yd field goal , 3:18. Drive: 8 plays, 50 yards in 2:46
4th Quarter
FGMason Crosby, 33 yd field goal , 12:44. Drive: 6 plays, 19 yards in 2:26
TDJames Jones, 33 yd pass from Brett Favre (Mason Crosby kick is good), 5:46. Drive: 11 plays, 82 yards in 5:17
TDSidney Rice, 15 yd pass from Kelly Holcomb (Ryan Longwell kick is good), 1:55. Drive: 12 plays, 72 yards in 3:51


O jogo começou com as defesas parando os ataques no primeiro drive e logo de início um dos personagens da partida, o safety Atari Bigby, forçou um fumble recuperado pelo defensive tackle Johnny Jolly.Já no segundo, Brett Favre mostrou a que tinha vindo, com um passe preciso para o TE Donald Lee, liderou o time a campanha até a redzone dos Vikings e no terceiro down, com uma leitura perfeita da defesa adversária, Favre passou para Greg Jennings na endzone. TOUCHDOWN 421, recorde quebrado, comemoração geral, beijo na ms. Favre, vídeo com os cumprimentos de Dan Marino e palmas de todos no estádio. Parabéns Brett Favre, sua genialidade nos encanta a cada dia. F avre comemora com Jennings e com a mulher, Deanna Favre, o touchdown número 421 na carreira.


Para quem quiser ver a mensagem de Dan Marino, acessem o site dos Packers
*recomendo que usem IE e visualizem o video através do Real Player.

Mais tarde, no segundo quarto, Brett Favre, novamente com um passe preciso achou Lee, que parou na linha de 5, porém antes de ser derrubado, teve a bola roubada. Fumble na linha de 5 do campo de defesa dos Vikings.

Logo nesse drive, surgiu a estrela da partida do time de Minesotta. O running back novato Adrian Peterson, fez uma belíssima corrida para 55 jardas, colocando o time em exelente posição já no campo dos Packers. Apesar dos espaços que a defesa de Green Bay cedia, o Vikings parou por 2 vezes na hora decisiva e foi obrigado a chutar FGs, diminuindo a vantagem para apenas 4 pontos no final do primeiro tempo. Como nota, podemos deixar que Favre no drive que resultou em FG, no final do segundo quarto, fez um passe incompleto, mas bateu o recorde de tentativas de passe que também era do ex-quarterback de Miami. Halftime 10 x 6 Packers.

O terceiro quarto foi marcado apenas por uma grande jogada do Punter de Green Bay Jon Ryan, que enfrentou bravamente 6 jogadores do Vikings até finalmente ser derrubado, a jogada foi válida para first down, porém o Packers não foi muito longe e conseguiu apenas um field goal na campanha mais longa do jogo, quase 9 minutos de posse.O quarto quarto foi emocionante, nervos a flor da pele e a decisão do jogo.

Começando por um fumble forçado pelos Vikings, porém visto como passe incompleto pela arbitragem. Graças ao erro, Favre liderou o drive até próximo a redzone e em um belo passe, encontrou o WR James Jones livre, este entrou na endzone e anotou o primeiro TD da carreira. Parabéns ao Rookie, que além de tudo, anotou o Touchdown de número 422 na carreira de Brett Favre.

O Vikings respondeu a altura no drive seguinte, chegando a endzone através de passes de Kelly Holcomb e o touchdown recebido pelo WR Sidney Rice, numa das mais belas jogadas da semana 4 da NFL. Jogo apertado 23 x 16 Packers e o Vikings na tentativa de Onside kick para retomar a posse de bola.

Por sorte, o Onside Kick não deu certo, porém apesar de parecer o fim, mais emoções aguardavam os 2 times. Numa jogada para gastar o tempo, Mike McCarthy, chama o dive, corrida pelo meio da linha, porém o erro de comunicação entre o RB Ryan Grant e Favre resulta num handoff mal feito, que causa o fumble recuperado pela DL dos Vikings. Os narradores da rádio de Green Bay não acreditavam no desastre que ocorria, só não usavam outras palavras, pois não poderiam, caso contrário, certamente gritariam os nomes mais feios possíveis para o rb dos Packers.

Praticamente no meio do campo, Kelly Holcomb tem espaço, tempo e armas suficientes para tentar empatar o jogo, porém a defesa do Packers finalmente aparece e como um inglês, Atari Bigby intercepta o passe de Holcomb na hora exata. Grande interceptação, mostrando que a defesa sabe aparecer na hora precisa para ganhar a partida, bem como foi na partida contra os Chargers na semana passada.Vitória dos Packers, que mostra a força a um dos adversários diretos da NFC North.

Bolas do jogo: Brett Favre, recordista, completando 32 dos 45 passes tentados para 344 jardas e 2 touchdowns. Na minha opinião, o MVP da semana 4.

Atari Bigby: 1 Fumble forçado e 1 interceptação no final da partida.

Jon Ryan: e a corrida maravilhosa a lá Devin Hester.

Vikings: Adrian Peterson 12 carregadas para 108 jardas, média de 9.0 jardas por carregada; um pequeno monstrinho, surge como candidato a rookie mvp de ataque.

Sidney Rice: pela bela jogada que fez no quarto quarto.

Fumbles do jogo:

Ryan Grant: Literalmente, no final da partida para matar o torcedor do coração.

Defesa de Green Bay, até o quarto quarto: permitindo muitas jardas de corrida (155) e um total de 382 jardas no jogo, porém o Vikings pode converter apenas 5 terceiros downs de 15 tentados, nesse ponto, méritos para a defesa do Packers.

Agora Green Bay enfrenta outro rival no Sunday Night Football da semana que vem. Com um streak de 8 vitórias desde o ano passado, os cabeças-de-queijo, enfrentam o Bears, jogo que vai ao ar pela ESPN domingo as 21:00 horário de Brasília, é uma oportunidade para gravarmos o jogo e assistirmos por mais de uma vez e achar as qualidades e defeitos do time.
Gostaria de convidar a todos a um chat em tempo real na hora do jogo, quem topar, por favor deixe um comentário, vamos reunir a nação Cheesehead !

Grande abraço a todos.

Go G !!!